Líder governista destaca avanços da educação baiana e critica “memória seletiva e omissa” da oposição

O deputado estadual e líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Rosemberg Pinto (PT), destacou os investimentos e os resultados da Bahia na área educacional, nesta quarta-feira (2), em resposta ao que chamou de “memória seletiva e omissa” dos oposicionistas do Governo baiano sobre o tema.

“O nosso estado é um dos que mais investem em Educação. Foram quase 5 bilhões, em 2021, para construção, ampliação e modernização de escolas, convocação do concurso para professores e coordenadores pedagógicos, somados aos projetos de acesso e permanência dos estudantes na escola como o Bolsa Presença para 340 mil famílias do CadÚnico, ampliação do Auxílio Alimentação e o Programa Mais Estudo para 52 mil monitores em toda a Bahia”, contabilizou, o líder governista.

De acordo com o Ministério da Educação, a Bahia alcançou o melhor Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) na série histórica para o Ensino Médio. “Tem uma turma que tenta omitir e tem memória seletiva. O Carlismo deixou, em 2007, a Bahia com 1,8 milhão de analfabetos, Ideb de 2,6 para as séries iniciais e finais do ensino fundamental e de 2,7 para o ensino médio. Aplicamos ações efetivas com o programa Todos Pela Educação, melhoramos o Ideb e as estruturas dos colégios. A receita para melhoria da educação que praticamos é a manutenção dos estudantes com aplicação de incentivos, desde a infraestrutura até benefícios com auxílios e bolsas que os atraem e os mantêm nas escolas”, concluiu, o parlamentar, titular da Comissão de Educação da Alba.

Infraestrutura escolar

Com foco no padrão de uma rede estadual de educação em Tempo Integral, já foram entregues 115 novas escolas, dotadas de equipamentos esportivos, culturais e laboratórios e mais outras 236 foram modernizadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *